25 de ago de 2009

Caminhai com Determinação




Filhos, apesar dos percalços que enfrentais,
inclusive no que se refere à conquista
do pão de cada dia, prossegui caminhando
com determinação.

Compreendei o eco do passado distante
nas lutas que vos alcançam no presente:
o filho rebelde, o cônjuge difícil, a carência material,
o assédio sistemático das trevas...

Não descreiais do Amparo Divino, através dos amigos
do Mais Alto, que não vos deixam a sós
com as vossas provas.

Não fosse pela intercessão daqueles
que por vós se interessam do Além,
é possível que vos precipitásseis
em mais profundos abismos de dor.

Inútil pretender qualquer colheita
sem justa semeadura.
Por outro lado, de que valeria lançar
sobre a gleba inculta a semente promissora?

Quantos anseiam por terem o que nada fazem
para possuirem?

Adquiri mais ampla compreensão da vida
e atinareis com a causa de todos os vossos padecimentos.

Toda lágrima encerra uma lição e se constitui
num estímulo ao progresso.
Quantos são os que negam a existência de Deus,
unicamente por não serem atendidos
em seus caprichos de ordem pessoal?

O que não tendes nem sempre deve ser interpretado
por demérito de vossa parte. Muitas vezes, a providência
que vos é mais necessária ao esforço de auto-superação
é o obstáculo que vos parece restringir os movimentos.

Caminhai, pois, com alegria, sem permitir
que a descrença se vos insinue no espírito.

Bezerra de Menezes/Carlos A Baccelli
do Livro A Coragem da Fé

Nenhum comentário: