23 de jul de 2009

Olvide e Recorde



-André Luiz-



Cap. XV – Item 3

Olvide o pó e o vento.
Recorde que a luz do Sol
e a pureza da água são gratuitos.

Olvide pessimismo e o mau agouro.
Recorde que a marcha do progresso é inexorável.

Olvide a palavra infeliz.
Recorde que você está sendo ouvido e observado.

Olvide a malquerença.
Recorde que o imperativo
da fraternidade atinge a todos.

Olvide a indisposição.
Recorde que a disciplina mental
é o primeiro remédio.

Olvide o próprio direito.
Recorde que o dever pessoal
é intransferível.

Olvide a censura.
Recorde que a harmonia e a cooperação
constroem sempre mais.

Olvide a discussão intempestiva.
Recorde que o respeito ao semelhante
é o alicerce da paz.

Olvide a vaidade intelectual.
Recorde o valor do procedimento correto
em todas as circunstâncias.

Olvide as vozes destrutivas.
Recorde que a extensão
da seara do bem espera por nós.

Olvide a convenção nociva.
Recorde que a naturalidade suscita
sempre a simpatia maior.

Olvide a lamentação.
Recorde que o minuto passa
sem esperar por ninguém.

Triunfar é esquecer o lado menos bom da vida,
lembrando o cumprimento das próprias obrigações que,
em verdade, sustentam a nossa alegria incessante.



da obra - O Espírito da Verdade -
- Espíritos Diversos-
Chico Xavier e Waldo Vieira
-FEB-

Nenhum comentário: